Lost: Atriz agradece a Kirsten Bell por recusar papel

Rebecca Mader, a antropóloga Charlotte de Lost (o personagem ainda é inédito para quem acompanha a série pela TV paga brasileira), só conseguiu o papel após a recusa de uma estrela da telinha norte-americana.

Agora, como parte do elenco fixo mais badalado dos Estados Unidos, a atriz agradece a Kirsten Bell, a loirinha de Veronica Mars que deu as costas ao pessoal do vôo 815 para integrar outra bem-sucedida turma: a dos superpoderosos de Heroes.

– Nunca achei que nós fossemos disputar o mesmo papel. Nós somos muito diferentes. Pensei até em mandar um daqueles telegramas animados dizendo “Obrigada por ter recusado este trabalho”, diverte-se.


http://estrelando.uol.com.br/interna/interna_25303.htm

Terceira temporada de ‘Lost’ estréia dia 26 na Globo, que exibe também especial sobre a série

Perdido em “Lost”? Para quem deixou de conferir algum episódio da primeira e da segunda temporadas do seriado de sucesso, vale a pena conferir o especial “Lost – Um conto de sobrevivência” – que a Globo exibe no dia 25 de fevereiro, logo após a apresentação do último capítulo da série “24 horas”. O episódio especial apresenta um resumo destas temporadas.

No dia seguinte, terça-feira, dia 26 de fevereiro, o canal estréia, enfim, a terceira temporada de “Lost”, que vai ao ar em seqüência até o dia 28 de março, sempre de segunda a sexta-feira, logo após o “Jornal da Globo”. No terceiro episódio já será possível conferir a participação do brasileiro Rodrigo Santoro, presente no terceiro ano da série como ator convidado, interpretando Paulo.

E para quem ainda não está por dentro da trama de “Lost”: a primeira temporada traz 48 pessoas presas em uma misteriosa ilha, após um acidente aéreo, que devem permanecer unidos para sobreviver. Os episódios trazem flashbacks dos personagens.

Na segunda temporada, mais suspense e aventuras, trazendo à tona o que há de melhor e de pior nas pessoas que estão perdidas na ilha. Dentre tantos mistérios, uma descoberta importante: existem outros sobreviventes do vôo 815 no local. É quando percebem que o perigo está em todo lugar e que não podem mais confiar em ninguém.

A quarta temporada estreou nos Estados Unidos no fim de janeiro e ainda não tem data para chegar ao Brasil. Por conta da greve dos roteiristas de Hollywood, foram gravados apenas 8 episódios novos para esta temporada, em vez dos 22 habituais. Com o fim da paralisação que durou três meses, espera-se mais cinco episódios de “Lost”. O canal a cabo AXN deve mostrar essas aventuras só no segundo semestre. A Globo exibirá a 4ª fornada em fevereiro de 2009.


http://oglobo.globo.com/cultura/revistadatv/mat/2008/02/12/terceira_temporada_de_lost_estreia_dia_26_na_globo_que_exibe_tambem_especial_sobre_serie-425595287.asp

Ganhe um apelido especial de Sawyer

Nós já conhecemos o talento do Sawyer para criar os mais mirabolantes apelidos para a galera de “Lost”.
E agora é a sua vez de ganhar um apelido especial do Sawyer. No site da ABC você pode acessar o Sawyer’s Nickname Generator (só faltou o “Tabajara”) e, preenchendo um pequeno formulário (seu nome e algumas características), o Sawyer te dá um apelido novinho em folha, com direito a um coraçãozinho e tudo…

Eu fui lá conferir e ganhei essa pérola da foto aí embaixo.

Quem quiser ter o seu, é só acessar:
http://abc.go.com/primetime/lost/index?pn=nickname

Enjoy!

Lost

Lost começa com o acidente de um avião, que saiu de Sydney, Austrália com destino a Los Angeles, EUA, mas que caiu numa misteriosa ilha tropical em algum lugar do Oceano Pacífico. A série tem um estilo único que segue dois tipos de histórias não ligados entre si: primeiro, a luta dos 48 sobreviventes do desastre para sobreviver e viver juntos na ilha, e segundo, a vida das personagens principais, antes do desastre, através de retrospectivas pessoais, os flashbacks. A série foi criada por Jeffrey Lieber, J. J. Abrams e Damon Lindelof, que é agora o escritor principal, e é filmada em Oahu, Havaí. O episódio piloto foi ao ar nos EUA em 22 de Setembro de 2004. Lost é produzida por ABC Studios, Bad Robot Productions e Grass Skirt Productions e é exibida pela Rede ABC em seu país de origem. A música incidental é produzida por Michael Giacchino. Os produtores executivos são Abrams, Lindelof, Carlton Cuse, Jack Bender, Jeff Pinkner e Bryan Burk. Por causa de seu vasto elenco e os custos de se filmar no Havaí, a série é uma das mais caras produzidas até hoje.
Sucesso de crítica e público, Lost teve uma média 15,5 milhões de espectadores por episódio durante todo o seu primeiro ano de exibição e garantindo vários prêmios da indústria audiovisual, incluindo o Emmy para melhor série televisiva na categoria drama em 2005, melhor série americana importada na Academia Britânica de Prêmios Televisivos também em 2005 e o Globo de Ouro por melhor drama em 2006.
A série foi logo agregada a cultura pop americana, por ser um fenômeno que encanta cada vez mais espectadores e mídias externas, como comerciais, revistas em quadrinhos, webcomics, revistas de humor e canções populares. O universo fictional da série foi explorado também através de novelas e de um jogo de realidade alternativa, o Lost Experience.
Em Maio de 2007 foi anunciado que Lost continuará com a quarta, quinta e sexta temporadas, concluindo com o 117º episódio produzido em Maio de 2010. As três próximas temporadas consistirão-se de apenas 16 episódios, exibidos semanalmente sem interrupções ou reprises.