Quer conhecer os bastidores de Royal Pains?

Você sabe o que é um looping? Um ADR? Pois Paulo Costanzo, o Evan de Royal Pains, tirou seu dia de folga para gravar um video e nos dizer o que quer dizer os termos acima e sua importância para as produções de TV e, de quebra, nos mostrar um pouquinho dos bastidores de Royal Pains.

Clique aqui para assistir ao video.

Monk está de volta – e é saudado por outras séries

A última temporada de Monk estréia na próxima sexta e o canal USA tez esse video, no qual personagens de outras séries, como Shawn e Gus, de “Psych” e Hakn, de “Royal Pains”, falam sobre o detetive. Muito criativo!

Confira:

USA Network 2013 Characters Salute Monk – Watch more Funny Videos

Os 100 melhores episódios de todos os tempos

A revista americana TV Guide fez uma lista com os 100 melhores episódios de todos os tempos.
Seriados antigos, novos, todos tiveram um representante na lista.
Será que você concorda com a escolha?

Confira:

1. Seinfeld: “The Contest”
2. The Sopranos: “College”
3. The Mary Tyler Moore Show: “Chuckles Bites the Dust”
4. I Love Lucy: “Lucy Does a TV Commercial”
5. Lost: “Pilot”
6. ER: “Love’s Labor Lost”
7. The Honeymooners: “Better Living Through TV”
8. Mad Men: “Nixon vs. Kennedy”
9. All in the Family: “Cousin Maude’s Visit”
10. 24: “Season 1: 11PM-12AM”
11. The Twilight Zone: “Time Enough at Last”
12. SNL from 4/22/78
13. The Dick Van Dyke Show: “It May Look Like a Walnut”
14. Buffy the Vampire Slayer: “Once More With Feeling”
15. The Cosby Show: “Goodbye Mr. Fish”
16. The Fugitive: “Judgment”
17. South Park: “Trapped in the Closet”
18. The Andy Griffith Show: “Opie the Birdman”
19. The Office: “Diversity Day”
20. MASH: “Abyssinia, Henry”
21. Friends: “The One with the Embryos”
22. Six Feet Under: “Everyone’s Waiting”
23. St. Elsewhere: “Time Heals”
24. The Simpsons: “Krusty Gets Kancelled”
25. Homicide:Life on the Street: “Subway”
26. The Wire: “Final Grades”
27. Curb Your Enthusiasm: “The Special Section”
28. 30 Rock: “Black Tie”
29. Cheers: “Show Down”
30. NYPD Blue: “Hearts and Souls”
31. Frasier: “The Ski Lodge”
32. Arrested Development: “Development Arrested”
33. Roseanne: “A Stash From the Past”
34. Thirtysomething: “A Second Look”
35. The X-Files: “Clyde Bruckman’s Final Repose”
36. Star Trek:TNG: “Best of Both Worlds Part 1”
37. The Bob Newhart Show: “Over the River and Through the Woods”
38. The Shield: “Possible Kill Screen”
39. The Wonder Years: “Pilot”
40. The West Wing: “Two Cathedrals”
41. Freaks and Geeks: “Carded and Discarded”
42. Everybody Loves Raymond: “Marie’s Sculpture”
43. Battlestar Gallactica: “Blood on the Scales”
44. My So-Called Life: “Self-Esteem”
45. General Hospital: “Luke and Laura’s Wedding”
46. Ellen: “The Puppy Episode”
47. CSI: “Grave Danger”
48. Moonlighting: “Atomic Shakespeare”
49. Dexter: “The British Invasion”
50. The Larry Sanders Show: “Flip”
51. Taxi: “Reverend Jim: A Space Odyssey”
52. Damages: “Because I Know Patty”
53. The Carol Burnett Show: “Went With the Wind”
54. Twin Peaks: “Pilot”
55. Desperate Housewives: “One Wonderful Day”
56. How I Met Your Mother: “Slap Bet”
57. Hill Street Blues: “Freedom’s Last Stand”
58. The Odd Couple: “Password”
59. Alfred Hitchcock Presents: “Lamb to the Slaughter”
60. The Big Bang Theory: “The Bath Item Gift Hypothesis”
61. L.A. Law: “Good to the Last Drop”
62. Law and Order: “Life Choice”
63. Grey’s Anatomy: “Losing My Religion”
64. Murphy Brown: “You Say Potatoe, I Say Potato”
65. WKRP in Cincinnati: “Turkeys Away”
66. House: “Three Stories”
67. Dynasty: “The Threat”
68. Heroes: “Company Man”
69. Dallas: “A House Divided”
70. Sex and the City: “Pick-a-little, Talk-a-little”
71. Little House on the Prairie: “I’ll Be Waving as You Drive Away”
72. Batman: “Better Luck Next Time”
73. The Outer Limits: “Demon With a Glass Hand”
74. Will & Grace: “Home for the Holidays”
75. Gilmore Girls: “Raincoats and Recipes”
76. Family Ties: “The Real Thing (Part 2)”
77. The Waltons: “The Easter Story”
78. Angel: “I Will Remember You”
79. Charlie’s Angels: “Angels in Chains”
80. Star Trek: “City on the Edge of Forever”
81. Smallville: “Rosetta”
82. Farscape: “Revenging Angel”
83. Good Times: “Black Jesus”
84. Alias: “The Telling”
85. Melrose Place: “The Bitch is Back”
86. Scrubs: “My Musical”
87. Happy Days: “Fonzie Loves Pinky”
88. Magnum, P.I.: “Did You See the Sunrise”
89. Beauty and the Beast: “Orphans”
90. Malcolm in the Middle: “Bowling”
91. Beverly Hills 90210: “Spring Dance”
92. Party of Five: “Intervention”
93. Big Love: “Come, Ye Saints”
94. Ally McBeal: “Cro-Magnon”
95. Supernatural: “No Rest for the Wicked”
96. Rescue Me: “Baptism”
97. Mary Hartman: “Chicken Soup”
98. Breaking Bad: “Peek a Boo”
99. Family Guy: “Blue Harvest”
100. The Brady Bunch: “The Subject Was Noses”

Happy Birthday, Hugh Laurie!

E Hugh Laurie completa hoje meio século de vida! Nem preciso dizer que ele é que nem vinho, pois isso é consenso entre a mulherada.


No momento, está curtindo o final das férias de House, antes de começar as gravações da sexta temporada, que estréia em setembro. Além de cultivar uma barba nada sexy…

James Hugh Calum Laurie nasceu em Oxford, Inglaterra, em 11 de junho de 1959.

Laurie estudou em Eton e em Cambridge. É filho de um médico, é ganhador da medalha olímpica de remo, e fez parte da equipe junior de remo de Inglaterra (1977) e Cambridge (1980).

Seu pai, William George Ranald Mundell, e a mãe, Patricia, são ambos de ascedência escocesa. É o mais novo de quatro irmãos. Tem duas irmãs e um irmão, Charles, que trabalha que é advogado/pastor na Escócia. Hugh tentou também uma carreira como remador, mas foi forçado a abandoná-la quando contraiu mononucleose. Hugh também é excelente pianista e guitarrista. E também, cantor, escritor, enfim, é um homem de mil e uma utilidades, o sonho de 10 entre 10 mulheres…

Sua carreira começou em 1978, quando conheceu Emma Thompson em Cambridge e ambos fundaram a “Footlights”. Em 1980 foi apresentado por Emma a Stephen Fry, com quem manteve durante anos uma parceria profissional, que incluíram as séries “A bit of Fry and Laurie”, “Jeeves and Wooster”, “Alfresco”, “Blackadder” entre outras. Seus outros trabalhos na TV incluem as séries “Fortysomething”, “All or nothing at all”, participações em “Spooks”, “Life with Judy Garland: Me and My Shadows” (em que faz Vincente Minelli), “Family Guy”, “Friends” e outros.

No cinema, Hugh interpretou o marido de Imelda Staunton em “Razão e Sensibilidade”, de 1995 (o personagem mais hilário do filme), e em”Peter’s friends” (“Para o resto de nossas vidas”), de 1992. Também esteve em “O vôo da Fênix”, “Girl from Rio”, “Maby Baby”, “Cousin Bette” entre outros. Além dos infantis “Stuart Little” e “101 dálmatas”. Seus filmes mais recentes são “Os reis da rua” e a voz do Dr. Barata em “Monstros vc Alienígenas”.

Hugh também se dedica à carreira de músico. Juntamente com colegas da TV, como Greg Grunberg, de “Heroes” e James Denton, do seriado “Desperate Housewives”, formam a “Band from TV”, uma banda que tem como objetivo arrecadar dinheiro para diversas instituições de caridade. Hugh toca piano no projeto.

Além de ator, Hugh é também escritor. Seu primeiro livro é chamado “The Gun Seller” (1997) e tem mais um a caminho, “The Paper Soldier”, que deve ser lançado até o fim do ano. Hugh é formado em Antropologia e Arqueologia pela faculdade de Selwyn, Universidade de Cambridge.

Hugh é casado com Jo Green desde 16 de junho 1989, e tem três filhos (Charlie, 21 anos; Bill, 19 anos e Rebecca, 16 anos). Stephen Fry, por sua vez, é seu melhor amigo, foi seu padrinho de casamento e é também padrinho dos seus três filhos.

Happy Birthday, Griffin Dunne!

Hoje, Griffin Dunne, o Tony de “Trust Me”, completa 54 anos.

Thomas Griffin Dunne nasceu no dia 08 de junho de 1955 em Nova York. É filho do produtor / escritor / jornalista Dominick Dunne e de Ellen Griffin Dunne. É o mais velho de três irmãos: Alex e Dominique Dunne (também atriz, participou do filme “Poltergeist” e foi assassinada pelo namorado John Sweeney em 1982).

Além de ator, é diretor e produtor. Tem uma produtora chamada Double Play.

No início dos anos 70, Griffin foi para New York tentar seguir os passos de seu ídolo, Al Pacino. Até conseguir seu primeiro papel de destaque, em “Um lobisomem americano em Londers”, fez participações em filmes da sua produtora, Double Play: “The other side of the mountain”, de 1975, “Head over heels”, de 1979 e “The Fan”, de 1981. Mais tarde, foi dirigido por Martin Scorsese em “After Hours” (“Depois de Horas” de 1985). Seus outros trabalhos como ator incluem: “Bondage”; “The Great Buck Howard”; “Ligado em você” (Stuck on You); “Proibido para menores” (Warning: Parental Advisory); “40 dias e 40 noites” (Forty Days and Forty Nights); “Meu primeiro amor” (My Girl); “A arma secreta” (Secret weapon); “Elas me querem” (Me and Him); “Imensidão Azul” (The Big Blue); “As Amazonas na Lua” (Amazon Woman on the Moon); “Quem é essa garota?” (Who’s That Girl?), entre outros.

Como diretor, trabalhou com Sandra Bullock e Nicole Lidman em “Da magia à sedução “(Practical magic) e com Meg Ryan em “A lente do amor” (Addicted to Love). E foi indicado ao Oscar de melhor curta por “Duke of Groove”.

Na TV, participou de episódios de “Frasier”, “Saturday Night Live”, “Amazing Stories” e “Law & Order: Criminal Intent”.

Desde que “Trust Me” foi cancelada, estamos aguardando a volta do ator à TV e o lançamento de seu novo filme, “Last Night”.

Pedido de casamento no set de Scrubs

Eu não sei há quanto tempo aconteceu, mas encontrei esse video e tive que postar aqui. É tão fofo que eu não pude conter as lágrimas…

A americana Anna, que trabalhava como assistente no set da série Scrubs, foi pedida em casamento durante a gravação de um episódio. Tudo foi armado pelo namorado Ted, que também trabalhava lá, com a ajuda do protagonista do show, o ator Zach Braff.

Anna nem imaginava que a cena que estava ajudando a gravar iria se transformar em um pedido de casamento super criativo. A gravação começou normalmente. Nela o personagem de Zach batia na porta da casa do Dr. Cox pedindo ajuda no diagnóstico de um paciente. Dizia que o tal andava sorrindo sem parar, animado, feliz. Cox dava, então seu parecer: o paciente não estava doente, estava apaixonado. É aí que as coisas começam a mudar. Zach diz ao chefe que trouxe o tal homem para uma avaliação ao vivo. Do nada surge Ted, o namorado de Anna, vestindo terno e com uma caixa de alianças na mão.

Confira o que acontece assistindo o vídeo. E prepare os lencinhos…

http://www.clicrbs.com.br/blog/jsp/default.jsp?source=DYNAMIC,blog.BlogDataServer,getBlog&uf=2&local=18&template=3948.dwt&section=Blogs&post=177641&blog=528&coldir=1&topo=4254.dwt&espname=vidafeminina

Algumas curiosidades sobre Scrubs

– Scrubs é filmada em apenas uma câmera e, mesmo por ser do gênero comédia, não usa os tradicionais sons de risada (ainda bem).

– A série já foi indicada a vários prêmios Globo de Ouro, mas perdeu todas.

– J.D. (Zach Braff) ganha apelidos femininos desde o primeiro episódio da série. Bambi, Tiffany, Susan, Janet, Judy, Sally, Ginger e Grace são alguns deles.

– A idéia de dar apelidos femininos foi do próprio ator John C. McGinley, o Dr. Cox. Na vida real, ele faz a mesma coisa com seu amigo, o ator John Cusack.

– Todos os episódios de Scrubs começam com a palavra My, exceto alguns da segunda temporada, que foram narrados por outros personagens. Ex: His Story (narrado por Dr. Cox), His Story II (Turk), Her Story (Elliot), Her Story II(Carla) e His Story III (o zelador).

– A atriz Christa Miller Lawrence, que interpreta Jordan, é casa com o criador de Scrubs, Bill Lawrence.

– Na primeira temporada, as cenas do casamento do Dr. Cox com Jordan são as gravações real do casamento de Christa e Bill Lawrence.

– Na 1ª temporada o raio-X que aparece na abertura era colocado intencionalmente ao contrário para mostrar que os novos internos do hospital eram inexperientes. O erro foi corrigido por um curto tempo na 2ª temporada, mas voltou ao contrário. No episódio da 5ª temporada My Urologist, a dra. Kim Briggs (Elizabeth Banks) aparece na abertura virando o raio-X ao contrário e dizendo que isso “a esteve aborrecendo por anos”.

– Vários membros da sitcom Spin City, também produzida por Bill Lawrence, fizeram participações especiais no show. Entre eles estão Michael J. Fox, Barry Bostwick, Alan Ruck, Richard Kind, Michael Boatman, Brendan Fraser, Alexander Chaplin e Heather Locklear.

– No episódio My Buddy’s Booty, da quinta temporada, J.D. faz uma referência a Grey’s Anatomy quando Elliot pergunta “J.D., eu não quero fazer isso. Não podemos só ir para casa, colocar nossos pijamas e assistir Grey’s Anatomy?”. Logo, J.D. responde “Oh, eu amo Grey’s Anatomy, é como se eles estivessem assistindo nossas vidas e colocassem na TV”.

– Scrubs também já fez uma referência a House. Mais precisamente ao primeiro episódio de House. No episódio My House, da sexta temporada, o Dr. Cox passa a se sentir como o protagonista da série. Com direito a bengala e tudo. O Cox já é meio House por natureza – e ficou impagável!

– No último episódio da oitava temporada (o último at all), o zelador vai ganhar um nome.

Você sabe de mais alguma? Mande para a gente!


http://diversao.terra.com.br/tv/interna/0,,OI3745683-EI12993,00-Veja+curiosidades+da+serie+Scrubs.html