Lie To Me – Bullet Bump (S02E17)

Um candidato a governador faz um discurso enquanto um cara suspeito observa de longe. Enquanto ele está saindo, cumprimentando as pessoas, uma garota da equipe, que Cal diz ser algo mais, é baleada e morre. Cal o convoca a ir ao seu escritório esclarecer as coisas.

No escritório, Cal faz o candidato confessar que dormiu com a vítima.

O principal suspeito (o cara que observava de longe no comício) insiste em afirmar que não foi o culpado pela morte da garota. Ria e Loker acreditam.

Clara insiste para que Cal deixe o candidato em paz (estranho, muito estranho…). Ele diz que o próprio candidato encomendou a morte da garota e descobre que ele deu em cima de Clara.

No escritório da campanha, Cal descobre outra mulher que dormia com o candidato. E que ela a odiava. Depois de uma certa insistência, Cal e Gillian arrancam dela qua a vítima havia atropelado um cara e fugido. E que o candidato a acobertara.

Como era esperado há dois episódios, Cal “pega” Clara (go Cal!). E Emily beija Loker. Quando Cal descobre, não age de modo muito racional (e qual pai agiria?).

Por fim, o culpado era quem a gente já desconfiava desde o princípio. E isso faz a sociedade entre Cal e Clara ser desfeita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s