Bones – Mayhem on a Cross (S04E21)

Durante um show de metal, uma “Bones” norueguesa percebe que o esqueleto que ornamentava o palco era real – e a vítima, americana. No Jeffersonian, Cam diz que o esqueleto foi roubado de uma banda americana que estava em turnê por lá. A vítima teria sido assassinada e seus restos crucificados para entertenimento da galera!

Olha quem está de volta! Dr Gordon (Sweets, vc é um fofo, mas o Gordon… bem, ele mora no meu coração)! Parece que Sweets está escrevendo um livro sobre Brennan e Booth e resolveu entrevistar Gordon, que, por sua vez, parece entender bastante de música (para um psiquiatra). Bem, Gordon meio que detona o livro de Sweets e diz que está desistindo da psiquiatria.

Sobre a vítima, ele era baixista de uma banda ultra secreta que só faz shows em lugares escondidos usando artefatos roubados e materiais ilícitos. E lá vão Bones, Booth e Gordon até o local do ensaio buscar uma outra banda para ser interrogada. Sweets nota que um dos membros parece ter uma conexão emocional com a vítima e, ao interrogá-lo junto com Gordon, descobre que ele é amigo de infância do morto, mas se recusa a colaborar.

Bones e Sweets vão a um outro show e lá, o vocalista corta a garganta com uma faca que deveria ser de mentira. Graças à camisa de Sweets, que Bones arranca, o cara é salvo e a gente descobre que Sweets tem umas cicatrizes nas costas (que não são muito bem explicadas).

E graças aos dois psiquiatras, o verdadeiro assassino é pego.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s