Bones – Yanks in the U.K. (S04E01E02)

Bones está dando uma palestra na Oxford University (enquanto Booth dorme solenemente). Na saída o telefone de um dos professores (que está dando em cima de Bones) toca, pois acabaram de encontrar um corpo. E os três vão investigar e conhecem suas versões inglesas: a de Booth, uma agente igualzinha a ele e o de Bones, a mesma coisa.

No Jeffersonian, para onde todo o material (inclusive o corpo) é eviado para análisa, Angela recebe a visita de seu futuro ex marido (que nem é tão gigante e muito menos tão brasileiro assim) e já vai pulando no seu colo e lhe dando beijos (?!). Por alguma razão que eu não entendo, todo mundo ficou babando no Berimbau, que se recusa a assinar o divórcio, pois ainda ama a esposa. Por fim, ele acaba desistindo e assinando os papéis. Bom para Camille!

E já tem um cara novo no lugar de Zack.

A vítima é filha de um importante empresário americano que se mudou para a Inglaterra em busca de uma vida mais tranquila. Camille dscobre que a moça estava grávida quando foi morta. Pouco tempo antes ela saiu na capa de um tablóide com uma foto em que usava… quase nada.

Booth surta no trânsito, quase bate o carro e começaa berrar no meio da rua sobre o quanto odeia a Inglaterra (ah, vai te catar, Booth!). Eles chegam na casa de um duque, namorado da vítima, que vão interrogar e são recebidos pelo Jeeves. Digo, pelo mordomo estereotipado da casa.

Analisando a foto do tablóide, Angela consegue, pelo reflexo nos olhos da moça (aham, Angela, senta lá), identificar uma casa. Ou seja, a foto teria sido tirada de dentro. Engraçado como todo mundo acha super normal encontrarem um imagem (e identificá-la) pelo reflexo nos olhos da pessoa fotografada a partir de uma capa de jornal.

A vítima não era filha biológica do empresário e, ao descobrir quem era seu pai verdadeiro, a garota foi morta da maneira mais estereotipada do mundo (aliás, esse episódio é um grande esteeótipo!).

E não é só isso!

Booth e Bones estão de partida quando a agente liga para Booth para avisar que seu parceiro (que queria ter dormido com Bones na noite anterior) sofreu um atentado – sua casa pegou fogo e ele morreu queimado. O cara autorizou uma construção em um sítio arqueológico e teve gente que não gostou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s