Fringe – Northwest Passage (S02E21)

Notícias do Peter! Ele está em um café em Washington, batendo papo com uma garçonete que grava CDs com músicas que tenham a ver com as pessoas que conhece. Ela grava um para Peter e vai entregar, mas desaparece misteriosamente no caminho. Ela é levada para um laboratório e sofre uma cirurgia.

Peter está indo embora quando vê a aglomeração. Ele para e algumas pessoas o reconhecem da noite passada. Enquanto presta depoimento vê que um cara o observa.

É, Peter, os problemas te perseguem: a mulher está morta e você é suspeito.

Bem, o corpo da mulher é encontrado e quando os xerifes vão lá dar uma olhada, um aviso no rádio diz que uma parte do seu crânio foi removido. Ele logo começa a ligar as coisas e pergunta se falta uma parte do cérebro da moça. A resposta é positiva e ele tem certeza de que Newton está atrás dele, pois teria tirado um pedaço do cérebro da moça atrás de informações sobre seu paradeiro.

A xerife parece apoiá-lo. Eles o liberam, ele se hospeda em um hotel e recebe uma ligação na qual só se ouvem ruídos, típico de Newton. Logo após, a xerife liga para dizer que seu parceiro sumiu. Ela quer que Peter entre em contato com o FBI, ele se recusa e diz que fará o possível para econtrar o perceiro e pegar Newton. Eles vão até o lugar onde o cara foi visto pela última vez e Peter quase é atingido por um tiro de uma espécie de tranquilizante.

De volta a Boston, Walter está no mercado e surta ao ler a composição de uma caixinha de torradas e é levado para a delegacia. Olivia e Astrid vão até lá resgatá-lo e a gente vê o estado em que sua casa se encontra. E ele tem um insight: construir uma máquina que identifica objetos vindo da realidade alternativa para tentar encontrar Peter (não seria mais fácil usar a Olivia?).

Quando uma mulher que nunca teve contato com Peter é encontrada morta com um pedaço do crânio a menos, a coisa começa a ficar estranha. Peter desenvolve uma teoria e consegue identificar o local onde as vítimas teriam sido mortas. Ele consegue encontrar o xerife vivo e salva o dia.

Olivia encontra Peter, mas antes dela e Walter conseguirem encontrar Peter, uma outra pessoa consegue.

Como eu odeio esses episódios (e livros, filmes etc) que enrolam até os 45 do segundo tempo para nos presentear com desfecho completamente épico! Esse é um desses casos. Episódio ok, normal, até o último segundo da última cena. Ok, a gente já esperava por isso, mas não agora (bem, pelo menos eu esperava por isso lá pela terceira temporada). Se bem que em Fringe, nada é o que parece ser…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s