Bones – Judas on a Pole (S02E11)

Um homem é baleado e incendiado, pendurado de braços abertos no topo de um prédio federal.

Zack está no meio da avaliação de doutorado quando Booth chega e arranca Bones de lá para olhar o corpo. Ele fica lá e um dos comentários que recebe é por causa de sua aparência. Ele fica tão chateado e isso fica remoendo em sua mente (realmente, para o tipo de emprego que ele tem, ele não se veste muito adequadamente).

Camile, Zack e Hodgins encontram um papel com o nome do cara e uma moeda em sua garganta. Bones e Booth vão até o apartamento do cara e encontram um quarto forrado de fotos do irmão de Bones. Apesar do cara estar morto, Booth acha que ele ainda corre perigo. Booth descobre que a vítima estava trabalhando para o crime organizado. Russ, comenta com Bones que recebeu um telefona do pai alertando que ambos estão em perigo. Pouco depois um padre entra em contato com ela e diz que seu pai insiste que ela e Booth larguem o caso.

Os investigadores descobrem que a vítima era um ex-agente do FBI que estava atrás de Russ para matá-lo. Porém, Russ acaba sofrendo um atentado enquanto está na cafeteria com Booth.

Quanto mais se aprofundam no caso, mais eles se surpreendem. Booth é demitido (ou “suspenso”) e eles fazem de tudo para resolver o caso e lhe devolver o cargo.

Sobre Zack, depois de uma transformação, ele consegue ser indicado para a efetivação no laboratório.

Curiosidade: esse episódio foi dirigido pelo David Duchovny.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s